Graduação

Ciências Econômicas além dos números

por Juliana Silva

Visitas técnicas a instituições do PET

Desde 1998, a Uesb oferece, no campus de Vitória da Conquista, o curso de Ciências Econômicas. Ao longo desse período, já foram formados mais de 500 bacharéis em Economia capazes de intervir no processo sócio-econômico regional e nacional. Isto porque a graduação oferece aos seus alunos uma formação teórico-histórica e instrumental que os permite ter condições de entender e interpretar a realidade econômica, bem como os seus agentes e fatores condicionantes.

Informações básicas

Criação: 1998
Modalidade: Bacharelado
Campus: Vitória da Conquista
Duração mínima: 10 semestres

Como explica a coordenadora do Colegiado de Ciências Econômicas da Universidade, Andréa Braz,o curso é de formação generalista, trabalhando não só o aspecto financeiro da área, como também desenvolvendo atributos de natureza humana e social do profissional. “A graduação conta com uma boa carga quantitativa e com disciplinas que contemplam conteúdos teóricos-históricos de forma plural, no sentido que o profissional possa dar conta de várias vertentes da economia”, destaca a coordenadora.

Ainda de acordo com Braz, o curso tenta proporcionar várias visões para que o aluno, a depender da sua perspectiva, possa optar por um tipo de interpretação. “Além disso, oferecemos uma formação humanística que dê conta de questões culturais, sociais e éticas. A intenção não é só formar economistas enquanto profissionais para atuar especificamente, mas sim de formar pessoas que possam intervir de forma consciente no processo econômico e social”, completa a coordenadora.

Prêmio Jairo Simões

Professora Andrea, coordenadora do Colegiado, recebendo o prêmio pela melhor monografia da área na Bahia

Desde 2005, o Corecon-BA premia as três melhores monografias de estudantes de Economia selecionadas dentre os trabalhos inscritos pelas Instituições de Ensino Superior (IES) da Bahia, através do Prêmio de Monografia Economista Jairo Simões. Das 10 edições da premiação, alunos da Uesb estiveram oito vezes entre os três melhores trabalhos. No ano de 2007, o primeiro, segundo e terceiro lugar foram figurados por discentes da Instituição.

Assim, através dessa formação crítica, o curso incentiva os seus alunos a pensarem as problemáticas do meio social em que vivem. Frutos desse trabalho são as premiações de destaque estadual que os discentes de Ciências Econômicas estão acumulando. Nos últimos anos, por exemplo, alunos da Uesbfiguraram entre os mais bem colocados no Prêmio de Monografias Economista Jairo Simões, realizado pelo Conselho Regional de Economia da Bahia (Corecon-BA).

Em 2014, entre os cinco primeiros colocados, três foram alunos da Universidade, incluindo o primeiro lugar, conquistado por Sara Andrade Santos, com o trabalho “As recentes transformações no campo brasileiro: um estudo das estratégias de reprodução familiar no assentamento Canguçu em Barra do Choça, Bahia”. Para Santos, o Prêmio demonstra os esforços realizados em conjunto com os professores e a própria Universidade. “Considerando a importância do prêmio, me sinto lisonjeada em ter sido classificada em primeiro lugar. Esse é o reconhecimento dos esforços investidos no desenvolvimento desse trabalho, que me incita a dar continuidade aos estudos e à elaboração de trabalhos científicos que possam de alguma forma retribuir à sociedade o que foi investido em mim”, celebra.

Contemplando o tripé acadêmico – ensino, pesquisa e extensão –, o curso conta com o Programa de Educação Tutorial em Ciências Econômicas (PET/Economia). O Programa, desenvolvido pelo Ministério da Educação (MEC), oferece condições para a realização de atividades extracurriculares, que complementam a formação acadêmica dos alunos participantes, procurando atender mais plenamente às necessidades da própria graduação, além de ampliar e aprofundar os conteúdos que integram a sua grade curricular.

O grupo PET/Economia funciona na Uesb desde 2011, tendo como tutor o professor Gildásio Santana Júnior. Segundo ele, desde o início, o grupo trabalha de forma coletiva com a participação efetiva dos alunos. “Aqui no grupo, os estudantes precisam ser protagonistas, precisam estar à frente do desenvolvimento das atividades. E o mais importante, eles precisam levar as ações desenvolvidas pelo programa para o curso como um todo, para a Universidade e também para a comunidade externa”, explica o tutor.

O Guia do Estudante 2015 avaliou o curso de Ciências Econômicas da Uesb com 3 estrelas.

Para Any Alencar, estudante do sétimo semestre e bolsista do Programa, participar do grupo tem sido uma experiência muito proveitosa, uma vez que o Programa contribui de forma efetiva para aprimoramento do que é ensinado em sala de aula. “O PET complementa a nossa graduação, pois, com o Programa, conseguimos ampliar nosso conhecimento e desenvolver ações importantes para o nosso curso, para o meio acadêmico e para a sociedade”, avalia Alencar.

Nos mais de quatro anos de atuação, o PET/Economia já promoveu diversas atividades, a exemplo do tour acadêmico, um conjunto de visitas técnicas a empreendimentos econômicos diferenciados, desde pequenas associações, passando pelas empresas públicas, até as multinacionais; e do estudo dos biomas econômicos de Vitória da Conquista. O Programa realiza também o CinePet, exibição de filmes temáticos com espaços para discussões, além de palestras, oficinas e minicursos. Juntamente com o Centro Acadêmico e o Colegiado do curso, o PET promove a Semana de Integração para recepcionar os novos alunos e a Semana de Economia da Universidade.

PET/Economia